quinta-feira, 18 de junho de 2020

Futebol Brasileiro volta mais não tem data para acabar

Foto Internet

O futebol brasileiro está de volta 93 dias após a interrupção forçada pela pandemia do novo coronavírus. Flamengo e Bangu se enfrentam hoje no Maracanã na retomada do Campeonato Carioca. Primeiro torneio a ser reiniciado, o Estadual do Rio retorna longe de um cenário traçado como ideal. Às pressas, com uma confirmação publicada a menos de 36 horas do apito inicial, a partida reflete o desespero de clubes e entidades, que encaram disputas políticas e esportivas para retomar o esporte e, principalmente, as receitas.

Desde o dia 17 de março, quando o GAS venceu o Atlético Roraima por 3 a 0 e encerrou momentaneamente o Roraimense, último estadual paralisado, o esporte parou no país. A Copa Libertadores, ainda em sua fase grupo, e a Copa do Brasil, em meio à terceira fase, também tiveram seus calendários interrompidos, com desfecho de disputas ainda em modo de indefinição.

Em meio a muitas incertezas, uma coisa parece inevitável. Mesmo com pressa para voltar, com o Brasil ocupando o segundo lugar mundialmente em casos do coronavírus, 2020 só terminará em 2021. Não há datas para encerrar os torneios domésticos até dezembro. Por isso, as emoções em campo devem invadir o começo do próximo ano. Para torcedores, jogadores ou dirigentes, os desdobramentos práticos da crise ainda irão longe. (Uol)

Nenhum comentário:

Postar um comentário