quarta-feira, 19 de agosto de 2020

Márcio Botelho, vice-prefeito de Olinda, é vítima de sequestro

O vice-prefeito de Olinda, Região Metropolitana do Recife (RMR), Márcio Botelho (Solidariedade) foi vítima de um sequestro na noite desta terça-feira (18). A ação ocorreu por volta das 22h, após um compromisso previsto na agenda do prefeito, Professor Lupércio (SD). 


De acordo com informações do secretário de Segurança Pública de Olinda, Coronel Pereira Neto, após o fim do evento, Botelho ofereceu uma carona a Lupércio e a um amigo; depois de deixar o prefeito e o amigo em casa, o vice foi abordado por quatro homens armados.
 
Segundo o secretário, o vice-prefeito foi abordado pelos elementos em meio a uma ligação com a namorada, que teria escutado parte da conversa com os bandidos e alertado os responsáveis pela segurança pública na cidade. No percurso, feito no carro de Botelho, os criminosos solicitaram as senhas dos cartões de crédito do vice-prefeito e o ameaçaram de morte. 

"Ele estava ligando para a namorada, que chegou a escutar parte do díalogo entre ele e os criminosos. A PM foi acionada e foram feitos bloqueios nas rodovias que dão acesso a RMR. Como o carro de Botelho tinha um dispositivo de gps, que permite o rastreamento, foi identificado que o carro seguia no sentido Alagoas", afirmou Pererira Neto. Matéria na íntegra na Folha de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário